quinta-feira, 27 de março de 2014

sentido


O telefone não tocou, a janela de mensagem não notificou e o dia passou vazio, sem cor, sem graça.

Perdi a conta de quantas vezes jurei a mim mesma não me envolver tanto assim, não mergulhar de cabeça, porque o tombo é sempre maior do que a gente espera.

A "sorte de um amor tranquilo" passa bem longe da minha porta, nunca vi nem vivi, eu só ouço cantar.

Vai ver a vida é assim mesmo, acordar e tentar achar um sentido todos os dias. O único problema nisso tudo, é que o sentido tem sido você.

Naiana Cescon Lemes

Nenhum comentário:

Postar um comentário